E se Anne Frank tivesse uma câmera em vez de um diário?

by - sábado, maio 09, 2020


Olá, pessoas!
 Quem me conhece sabe que eu AMO estudar História e que um dos meus momentos favoritos de estudar são as guerras (I e II), ditadura e entre outros momentos. Qualquer tipo de assunto que fale sobre esses acontecimentos imediatamente captura a minha atenção; nessa quarentena não foi diferente e eu acabei me batendo com uma websérie do youtube sobre a Anne Frank. Conhecimento somado com entretenimento nunca é demais, então vem conhecer um pouquinho sobre essa iniciativa interessante.

Estreou no dia 26 de março, uma websérie no YouTube produzida pela Anne Frank House em parceria com a Every Media, baseada no diário de Anne Frank. Luna Cruz Perez interpreta Anne Frank e, apesar de jovem, consegue passar para o público os sentimentos da Anne de uma forma incrível e cativante.


Credit...Ray van der Bas/Anne Frank House

A série segue Anne a partir de 29 de março de 1944; ela tem 14 anos e vive escondida há mais de um ano e meio, junto com seus pais Otto e Edith, irmã Margot, Auguste e Hermann van Pels, seu filho Peter e Fritz Pfeffer. Na websérie Anne fala com a câmera sobre a vida, inseguranças e experiências da adolescente, compartilha seus pensamentos e sentimentos mais profundos. Além disso, relembra o tempo antes de se esconderem, fala sobre a guerra e mostra sua família e amigos expondo todo o cotidiano e conflitos presentes durante o tempo que ficaram no Anexo Secreto. O diário em vídeo termina em 4 de agosto de 1944, quando Anne e as outras sete pessoas do Anexo Secreto, bem como dois de seus ajudantes não judeus, são presos.


Assim como nos trechos do seu diário, há sempre falas da Anne atualizando os conflitos da época que, apesar de sabermos muito bem como tudo acaba, servem como um bom método de relembrar toda essa história que. além de ser chocante, serve para nós refletirmos sobre tudo o que aconteceu e sobre o nosso mundo atual.





No canal Anne Frank House, além da websérie, possuem também diversas playlists exibindo vídeos com conteúdo sobre a Anne, sua vida, sobre o diário dela, pessoas falando sobre ela, entrevistas e entre outras coisas bem legais para você conhecer essa menina que conquistou o mundo com a sua escrita e que é um exemplo para todo o mundo atualmente.

 

A série, em 15 episódios, é falada em holandês, com legendas em português, alemão, inglês e espanhol, assim como os outros vídeos do canal; pode ser vista em mais de 60 países.




"Anne Frank é um dos grandes ícones da divulgação do Holocausto, a pessoa mais popular de toda a história do Holocausto. É ela que atinge os jovens e mantém conhecido esse triste momento. Já foram feitos livros, filmes e peças, mas essa ideia da série na web é genial. É o melhor caminho atualmente para se alcançar esse público, essa é a linguagem dos jovens que prevalece hoje em dia", diz o escritor Márcio Pitliuk, curador do Memorial do Holocausto em São Paulo.


Eu amei essa iniciativa deles pois, além de ser extremamente interessante, é uma forma de oferecer conhecimento para todas as idades de um jeito leve, jovem e rápido. Atualmente então, com todos nós passando por uma quarentena, é muito bom ter um conteúdo assim para se entreter.


Espero que vocês tenham gostada da dica! Como sempre digo: me contém o que acharam, o que mais gostaram ou, caso não tenham visto, se te interessou e instigou conhecer mais sobre a Anne. Cuidem-se e até a próxima, beijão.



You May Also Like

0 Comentários

Olá! Fico muito agradecida de você ter chegado até aqui e espero que possa deixar um comentário legal; ficarei feliz em responde-lo. Bem-vindo e volte sempre, beijão!